23 de julho de 2014

Durma Suassuna


Durma Suassuna, durma
que Nossa Senhora agora irá lhe receber
vai lhe valer e lhe ninar até você adormecer.

Durma Suassuna, durma
a literatura de cordel você sempre valorizou
e em suas obras o sertão quase um paraíso virou.

Durma Suassuna, durma
pra cada sertanejo pobre e amarelo você deu esperteza
e hoje quem sabe alguém até os trate como realeza.

Durma Suassuna, durma
que a gente por aqui vai ficando cada dia mais pobre
sentindo a partida desse nordestino tão nobre.

Durma Suassuna, durma.


8 de julho de 2014

A Copa das Tropas


"Chore
Grite 
Esperneie 
Proteste
Fique puto 

Afinal de contas 
A tragédia no campo
Dói mais que a do viaduto 

E assim foi
A copa das tropas"


Pdr Valentim

#UmPoemaporDia


A temer

Nascemos e fomos adestrados para sentir medo. Medo do desconhecido por todos medo do que já foi vivido por tolos medo do que virá a...