30 de outubro de 2012

om shanti


Que maravilha poder ter a yoga em minha vida...
.
.

Conjugando



Descortinando o que está à minha volta
eu percebo que felicidade é coisa remota
e o quanto caminho por estradas tortas.

Mas
desenhando o que minha mente projeta
eu enxergo o que não está na minha reta
e penso que às vezes posso até estar certa.

E talvez
transcrevendo um devaneio mais íntimo
eu consiga extinguir meu papel de vítima
e acreditar que o que me fez mal é ínfimo.

Então continuo
desmanchando o que antes parecia sólido
e decifrando o que já não é tão óbvio,
porque só quero me embebedar do válido.

Conjugando e andando...


24 de outubro de 2012

Poesia por JÚLIA MELO

MINHAS ASAS

"Às vezes ganho asas
ganho não, as conquisto.
Asas de todo jeito, leves, pesadas...
Mesmo assim vôo, não resisto
essas asas minhas são.
Posso te levar comigo para voar
basta querer que as suas crescerão.
Minhas asas me fazem pensar
como seria viver sem elas
não posso nem pensar
seria uma dor daquelas.
Ficaria sem uma coisa que eu amo,
o imaginar."
Júlia Melo

Essa é minha afilhada.
Feliz aniversário, muita poesia e muita alegria em sua vida!!!


16 de outubro de 2012

Às cegas



Por vezes não notamos os pequeninos sinais.
E vagamos à procura de um letreiro luminoso,
onde fique nítido o que devemos fazer e para onde devemos seguir.

Perda de tempo. O letreiro quase sempre não existe.
Também não existem setas indicando a direção, o literal sentido.

A tarefa não é fácil, mas exercitando chegaremos lá.
Percamos tempo com as minucias!






3 de outubro de 2012

TERAPIA


Seguindo os conselhos e as dicas do meu "mestre" Mauro (yoga) eis meu pão integral! Com direito a açúcar mascavo e aveia em flocos.
Prepará-lo é uma terapia, quem já fez pão sabe. Bom demais.
.
.

Diário

fico parada observando o nada, a torneira que pinga achando estranho uma pessoa que tropeça e não xinga mas na verdade eu morro é de dó ...